Gravação de imagem via terminal

#1

Bom dia,

Utilizo os seguintes comandos para realizar a gravação de um novo sistema:

#$ sudo dd if=/dev/mmcblk0p1 of=/dev/mmcblk2p1 status=progress
#$ sudo dd if=/dev/mmcblk0p2 of=/dev/mmcblk2p2 status=progress

Porém realizo tal procedimento sem desmontar as unidades e algumas vezes acaba corrompendo o kernel da placa, gostaria de saber qual a forma correta para desmontar as unidades e realizar o procedimento com sucesso.

Att,
Ulisses Zorzan

#2

Bom dia, Unisses

Por acaso o boot foi feito pelo SD Card ou pela memória interna? Para conferir isso insira o comando a seguir no terminal:

$ lsblk

Confira onde a “/” (barra) está. Se estiver ao lado de “mmcblk0p2” quer dizer que iniciou pelo SD Card. Mas caso estiver do lado de “mmcblk2p2” quer dizer que iniciou pela memória interna.

Caso tenha iniciado pela memória interna os comandos que você citou podem dar problema pois ele tenta substituir arquivos que podem estar sendo utilizados pelo sistema, portanto o certo seria iniciar pelo SD Card.

Para iniciar pelo SD Card é só abrir o arquivo uEnv.txt, na partição BOOT, e mudar a parte que diz root=/dev/mmcblk2p2 para root=/dev/mmcblk0p2, e aí sim ligar a Labrador com o cartão inserido.

Após os comandos de gravação, lembre-se de mudar novamente, mas agora na memória interna da Labrador, de root=/dev/mmcblk0p2 para root=/dev/mmcblk2p2, senão ao tentar iniciar sem cartão a Labrador não irá ligar.

Outra coisa, sempre que faço algum comando de escrita, entro com o comando $ sudo sync para evitar que algo corrompa quando desligo a placa.

Ainda assim, na nossa Wiki ensinamos o modo apropriado de fazer a a gravação de um novo sistema. Caso queira dar uma olhada, entre em Instalando um sistema na Labrador

Obrigado

1 Like